“Quando já desfeita a mímica”, de Eucanaã Ferraz

Você diz coisas de amor
e a boca não obedece.
Fica parada, calada.
Como acreditar, então,
que você disse o que disse?

(É por isso que o cinema
é muito mais convincente.
Nos filmes, cuida-se disto:
que haja sincronização,
essa coisa indispensável.)

Quando, depois, foi preciso
dizer apenas que não,
a boca já se ocupava
de outra frase, bem mais longa
– ainda que bem mais fraca.

Quando houve a esperança
de um pedido de socorro,
a palavra, quando veio,
bateu num muro fechado.
A morte era inevitável.

A gravidade de agora
exige que você diga
alguma coisa importante,
por exemplo: eu confesso;
eu juro que não fui eu;

sou eternamente grato;
vamos parar por aqui.

Mas veja só, que absurdo,
a frase soa mais tarde,
quando já desfeita a mímica

– em que além da boca havia
um altear de sobrancelha –
e leva ao riso a plateia,
que nem percebe seu drama.
Outra vez agora é tarde.

Até seus dentes já sabem
de cor a declaração:
nunca mais te direi isso!
Só que hoje, hoje mesmo,
você já disse mil vezes

o que jurou não dizer;
seu rosto e até seus cabelos,
exaustos de repetir,
chegam só depois da fala
– o que é ainda mais ridículo.

Dessa vez era verdade?
Nunca mais diria aquilo?
Mas o intervalo entre o som
e os lábios – que nunca dura
mais do que uns poucos instantes –

é tempo suficiente
pra que seu filho ou amante
ou seu pai lhe dê as costas
e saia. O descompasso
entre seus lábios e a frase

largada no ar, parada,
faz qualquer cena improvável.
Alguém duvida que a vida
é um negócio perdido
em que ninguém acredita?

 

Escuta (2015).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s